Evite risco de perder a casa própria por inadimplência

12-11-2010 13:38

 

Dos 400 imóveis colocados em leilão todos os meses pela Caixa Econômica Federal no Estado de São Paulo via web, 99% estão ocupados e a maioria dos seus donos luta na Justiça para revisar seus contratos, aponta levantamento da Amspa (Associação dos Mutuários de São Paulo e Adjacências).

 

Para evitar o risco de perder o imóvel por inadimplência, é importante que o comprador tenha cuidados no momento da aquisição da casa própria e, antes de fechar o contrato, analise se terá condições de pagar as prestações. “O ideal é que o parcelamento não ultrapasse 30% da renda familiar. O cálculo deve constar desde a primeira parcela até o último pagamento. Tomando esses cuidados o proprietário evita problemas futuros de inadimplência que pode levar à perda da moradia” diz Marco Aurélio, presidente da Associação.

 

Para evitar surpresas, Marco orienta que é possível pedir ao banco uma planilha com a projeção de todas as parcelas até o final do financiamento. Para ele, também é essencial averiguar se o valor da taxa de juros do contrato está dentro do limite permitido pelo mercado, que hoje é de 12% ao ano.

 

“O comprador precisa ter ciência de que quanto maior o prazo de financiamento, mais irá pagar pelo imóvel. Além disso, precisa pensar na estabilidade no emprego e verificar se, em caso da perda da ocupação, terá auxílio desemprego ou outra fonte de renda para quitar as parcelas. Tomando esses cuidados, certamente, evitará danos futuros no sonho da casa própria”, diz ele.
 

 

Fonte:https://r7.imovelweb.com.br/web/editorial/R7Noticia.aspx?nodeid=3592

Bookmark and Share